Dor nas articulações

Dor nas articulações

O QUE É A DOR NAS ARTICULAÇÕES?

A dor nas articulações é um problema muito comum e há muitos fatores que a podem estar por trás da sua manifestação.

A dor nas articulações pode ser considerada um mal-estar geral, um evento doloroso ou uma inflamação que tem origem em qualquer parte da articulação, como a cartilagem, o osso, os ligamentos, os tendões ou os músculos. Por esta razão, é também designada como dor osteoarticular. Geralmente, a dor nas articulações está associada a artralgia (as articulações estão simplesmente doridas) ou a artrose se houver uma inflamação da própria articulação.

A dor nas articulações causa muitas vezes limitações físicas, claudicação (coxear ao andar), restrição de movimentos e perda de força.

O QUE É A DOR NAS ARTICULAÇÕES?

Dor nas articulações difusa ou localizada

A dor nas articulações pode ser aguda (se persistir durante alguns dias) ou crónica (prolongando-se durante meses ou anos). A dor em repouso está normalmente associada à inflamação; a dor causada pelo movimento e a que melhora com o repouso tem geralmente origem degenerativa e está associada à artrose, uma doença que se manifesta com o avanço da idade e que afeta mais de 90% da população idosa (com mais de 65 anos de idade).

Dependendo da patologia subjacente, é também possível classificá-la como dor articular localizada (monoarticular), que envolve apenas uma articulação (por exemplo, resultante de um traumatismo) e dor articular difusa (poliarticular), quando estão envolvidas várias articulações (por exemplo, no caso de doenças como a artrite reumatoide).

 

Causas da dor articular localizada

CAUSAS MAIS FREQUENTES

  • Lesão no joelho - a articulação do joelho é a que sofre lesões mais frequentes, sendo particularmente vulnerável por suportar a totalidade do peso do corpo.
  • Inflamação do revestimento interno das articulações - Resulta de uma lesão articular recente; se a dor persistir, a membrana sinovial das articulações e dos tendões pode estar inflamada, uma patologia conhecida como sinovite traumática.
  • Gota ou pseudogota - A pele na zona da articulação apresenta-se avermelhada e quente, com manifestação da dor em episódios recorrentes.
  • Lesão da cartilagem atrás da rótula - manifesta-se como dor no joelho, que agrava ao subir ou descer escadas.
  • Sangramento na cavidade articular - Na sequência de uma lesão recente na articulação do joelho, como uma rotura do ligamento ou uma fratura, pode ocorrer uma acumulação de sangue na articulação do joelho.

CAUSAS MENOS COMUNS

  • Fratura - da mão, do punho, da perna, do tornozelo ou da anca.
  • Artrite reativa - geralmente afeta indivíduos jovens e ocorre na sequência de uma infeção.
  • Artrite psoriática - um tipo de artrite que afeta uma em cada 5 pessoas com psoríase.
  • Artrite reumatoide, que pode ter origem numa articulação.
  • Doença de Osgood-Schlatter - inchaço e dor inferior na região anterior do joelho.

CAUSAS RARAS

  • Artrite séptica.
  • Hemofilia - doença hereditária que causa uma deficiência na coagulação do sangue.
  • Doença infecciosa tropical.
  • Cancro.
  • Osteonecrose - necrose de um segmento ósseo causada pela interrupção do fornecimento sanguíneo.
  • Deslocamento recorrente da articulação.

Causas da dor articular difusa

CAUSAS MAIS FREQUENTES

  • Artrite reumatoide - um tipo de artrite que causa dor e inchaço das articulações, normalmente nas mãos, nos pés e no punho.
  • Artrite psoriática.
  • Artrite infecciosa de origem viral (hepatite viral, rubéola).
  • Doença do tecido conjuntivo (lúpus, esclerodermia).

CAUSAS MENOS COMUNS

  • Tipos de artrite mais raros (como a espondilite anquilosante, a artrite juvenil ou a artrite reativa).
  • Doença de Behçet - uma doença rara que provoca inflamação dos vasos sanguíneos.
  • Púrpura de Henoch-Schönlein - uma doença rara que afeta as crianças e provoca inflamação dos vasos sanguíneos.
  • Cancro.
  • Alguns tratamentos (incluindo terapêutica esteroide, isoniazida e hidralazina).
  • Osteoartropatia hipertrófica secundária a neoplasia pulmonar.
  • Sarcoidose.
•	inchaço da articulação, que apresenta vermelhidão, sensibilidade e quente ao toque; dor persistente (durante 3 ou mais dias); •	febre sem sintomas gripais; •	redução da amplitude dos movimento ou da capacidade de execução de movimentos além da amplitude normal; •	deformação articular em caso de doença crónica.

Sintomas

Os sintomas da dor nas articulações que requerem a consulta de um médico especialista incluem:

Inchaço da articulação, que apresenta vermelhidão, sensibilidade e quente ao toque;

dor persistente (durante 3 ou mais dias);

febre sem sintomas gripais;

redução da amplitude dos movimento ou da capacidade de execução de movimentos além da amplitude normal;

deformação articular em caso de doença crónica.

TRATAMENTO DA DOR NAS ARTICULAÇÕES

A escolha do tratamento para a dor nas articulações depende essencialmente da intensidade da dor que, de acordo com a escala da dor da Organização Mundial de Saúde (OMS), se pode classificar em ligeira, ligeira a moderada e moderada a intensa.

Para controlar a dor poderá experimentar tomar Spidifen EF, um medicamento anti-inflamatório não esteroide que alivia a dor e reduz o inchaço e a inflamação quando estão presentes.

Spidifen EF tem uma fórmula exclusiva à base de Arginato de Ibuprofeno que acelera a solubilização e absorção do Ibuprofeno em comparação com as formas farmacêuticas convencionais à base Ibuprofeno, proporcionando assim um alívio da dor mais rápido.

No entanto, no caso da dor crónica nas articulações provocada por uma patologia conhecida, como a artrite reumatoide, é importante consultar um médico especialista para avaliar o tratamento.

PREVENÇÃO E RECOMENDAÇÕES

Para um melhor controlo ou prevenção da dor nas articulações, é aconselhável que:

mantenha um peso adequado para evitar que o excesso de peso possa sobrecarregar as articulações;

pratique atividade física adequada;

mantenha uma postura correta;

usufrua de alguns momentos de repouso após a prática de uma atividade física intensa;

siga uma dieta equilibrada.

QUER SABER MAIS SOBRE DOR NAS MÃOS?

Como prefere tomá-lo?

O que é Spidifen EF?